anunciante ads patrocinio

Mato Grosso do Sul, 28 de maio de 2022

Drone de R$ 15 mil é abatido com maconha que seria arremessada em penitênciária

Sobrevoos tem aumentado no presídio após instalação de cerca que dificultou lançamentos manuais.
13/05/2022 às 09:05
Campo Grande News, Adriano Fernandes
(Divulgação Agepen )

Um drone, avaliado em R$ 15 mil, foi abatido nesta quinta-feira (12) por um policial penal quando estava prestes a lançar um tablete de maconha dentro da Penitenciária de Segurança Média de Três Lagoas.

Na tarde desta quinta-feira (12), policiais penais do Grupamento de Escolta Penitenciária (GEP) conseguiram abater um drone que estava sendo utilizado para arremessar ilícitos para o interior da Penitenciária de Segurança Média de Três Lagoas. O equipamento do modelo DJI Inspire 1 V2.0 – T 601 custa cerca de R$ 15 mil.

A apreensão ocorreu por volta das 13h50, quando um policial penal do GEP (Grupamento de Escolta Penitenciária), que atuava em uma das torres do presídio, ouviu o barulho do drone indo em direção ao presídio, sobrevoando uma mata próxima. O policial conseguiu abater o equipamento, que transportava 919 gramas de maconha e um aparelho celular.

O piloto do drone, no entanto, não foi localizado. A máquina era modelo "DJI Inspire 1 V2.0 – T 601". 

Na opinião do comandante do GEP, Claudiomar Suszek, o traficante tentou o arremesso durante o dia, já que durante à noite os drones tem sido interceptados frequentemente, impedindo que as drogas e celulares chegassem às mãos dos detentos. A intenção seria que os internos, durante o banho de sol, conseguissem pegar o que foi arremessado.

O uso de drone para arremessos de drogas na penitenciária de Três Lagoas tem sido registrada após ter sido instalada uma cerca perimetral no local pela direção do presídio, que dificultou os arremessos manuais.

“No entanto, o trabalho atento dos nossos policiais penais tem conseguido interceptar esses arremessos e agora lograram êxito também na interceptação do drone”, disse o diretor da penitenciária, Raul Ramalho. O drone, a droga e celular apreendidos foram encaminhados para delegacia de Polícia Civil.