Sonora: Problema na coleta de lixo leva vereadores a pedir providências ao prefeito

Imagem:

Dias sem ter a coleta em alguns setores, colaboradores que derramam o lixo na rua, são alguns dos problemas em um contrato que ultrapassa R$ 2 milhões por mês.

02/09/2021 às 10:42 | do Idest, Eder Pereira

Serviço prestado por empresa terceirizada, que custa aos cofres públicos mais de R$ 160 mil por mês, pouco mais de R$ 2 milhões por ano, vem sendo alvo de questionamento por parte dos vereadores, que segundo eles, recebem diariamente reclamações da população. Empresa é responsável pela coleta e destinação do lixo doméstico em Sonora e ofício mostra que a execução está sendo de má qualidade e merece atenção dos órgãos competentes.

“Só o que queremos é que o serviço seja realizado com excelência a população, que o dinheiro público seja gasto de forma correta e se existe um serviço, precisa ser bem executado. Não venho aqui falar sobre valores, mas sobre o serviço que está deixando a desejar e a população nos cobra”, disse Fábio Sinuca, autor do requerimento.

O vereador Fábio encaminhou o ofício ao prefeito, pedindo tomada das devidas providencias, interceda junto a empresa e exija uma maior qualidade no serviço.

“Estamos aqui para cobrar melhorias, fiscalizar o que é pago pela prefeitura e exigir providencias. Estamos na rua dia a dia e recebemos diversas reclamações e transformamos esses pedidos em documento que é encaminhado ao executivo, daí pra frente é com o prefeito, se aceita ou não nossas reivindicações”, concluiu Fábio.

Carregando comentários...
Notícias
Política

O Idest utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao continuar, você concorda com a nossa política de privacidade.