Pai e filho são mortos por grupo encapuzado que invadiu fazenda

Assassinos, que estavam com roupas camufladas, fugiram pela mata após crime.

14/01/2022 às 13:08 | Campo Grande News, Mirian Machado

O fazendeiro, identificado a principio apenas como Nego Silva e o filho Antônio Nunes da Silva de cerca de 20 anos, foram mortos nesta sexta-feira (14) durante um atentado na fazenda da família em Amambai.

Homens com roupas camufladas e capuzes invadiram a propriedade e capturaram ambos. Segundo apurado pelo MS em Foco, Nego foi executado a tiros e seu  filho foi amarrado e morto a golpes de facão.

O grupo destruiu parte das instalações da fazenda, danificou o sistema de rádio comunicação e fugiu pela mata.

Dezenas de policiais incluindo o Delegado de Polícia Civil Ulisses de Brito estão no local.

Como não há sinal de celular na região, as informações chegam aos poucos, porém produtores rurais e policiais estão em busca dos assassinos.

Mais fotos

Carregando comentários...
Notícias
Policial

O Idest utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao continuar, você concorda com a nossa política de privacidade.