Bandeirantes: PMA autua fazendeiro em R$ 5 mil por degradação de matas ciliares de córrego

PMA de São Gabriel do Oeste recebeu denúncias sobre a degradação.

23/08/2021 às 07:32 | da Redação

Depois de receber denúncias de degradação de área protegida de córrego no município de Bandeirantes, Policiais Militares Ambientais de São Gabriel do Oeste confirmaram a denúncia do crime ambiental e autuaram na última sexta-feira (20) à tarde, o dono de uma propriedade por degradações ambientais de vegetação em área protegida de preservação permanente (APP) em sua fazenda.

Durante a vistoria foram verificadas degradações ambientais nas áreas de matas ciliares do córrego Mimoso (Área de Preservação Permanente) que corta a fazenda do infrator, em razão da criação de seu gado dentro dessas áreas protegidas. Os animais acessavam livremente à vegetação e o pisoteio estava causando erosões do tipo ravina e assoreamento do córrego. O autuado foi notificado a realizar a remoção do gado da área imediatamente.

O infrator, de 74 anos, residente em Bandeirantes, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 5.000,00. O autuado também responderá por crime ambiental de degradação de área de preservação permanente (APP). A pena é de um a três anos de detenção.

Carregando comentários...
Notícias
Policial

O Idest utiliza cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao continuar, você concorda com a nossa política de privacidade.