Tempestade derruba mais de 18°C da temperatura e ventos atingem 80 km/h em Campo Grande

De acordo com meteorologista, Natálio Abraão, chuva durou 20 minutos e temperatura que chegou a 38,2 graus, caiu para 20,3º na tarde desta quarta-feira (14).

14/10/2020 às 17:01 | G1MS

A tempestade que caiu na tarde desta quarta-feira (14) em pontos isolados da capital de Mato Grosso do Sul acompanhada de granizo, ventos e raios, derrubou a temperatura em 18,3 graus e surpreendeu os campo-grandenses. Segundo o meteorologista Natálio Abrão, antes da tempestade a temperatura máxima chegou a 38,2 graus e caiu para 20,3 graus.

Conforme o meteorologista, a chuva teve um pico de 20 minutos com 6,6 milímetros e em 10 minutos caíram 77 raios na cidade. As rajadas de ventos chegaram em alguns pontos a 80 km/h. Moradores registraram a queda de granizo e também de árvores. O Corpo de Bombeiros divulgará um balanço de estragos a partir das 18h desta quarta-feira.

Conforme Natálio, as causas da tempestade é devido a temperatura elevada aliada a presença do aumento da umidade, o que provocou uma área de instabilidade com pancadas isoladas.

A umidade relativa do ar que estava em 20%, passou para 91%. Apesar da queda na temperatura, o meteorologista afirma que esta logo volte a subir. A sensação térmica antes de tempestade chegou a 50 graus.

Conforme o meteorologista, a previsão para essa quinta-feira (15) é de chuva que pode chegar em todo o estado, principalmente na área de Corumbá, no Pantanal sul-mato-grossense que sofre com as intensas queimadas que já destruíram mais 3,9 milhões de hectares. Na capital, a chuva pode passar dos 25 milímetros.

Carregando comentários...
Notícias
Cidades