anunciante ads patrocinio

Mato Grosso do Sul, 20 de agosto de 2022

Prefeitura de São Gabriel do Oeste cadastrou 21 profissionais no programa federal BEm-Taxista

Assim como o auxílio caminhoneiro, o benefício será pago aos profissionais para amenizar os efeitos do aumento no preço dos combustíveis.
01/08/2022 às 16:40
da Assessoria
(Divulgação Assessoria Prefeitura)

A Prefeitura de São Gabriel do Oeste informou, por meio plataforma do Ministério do Trabalho e Previdência, o registro de 21 taxistas para terem acesso ao Benefício Emergencial aos motoristas de táxis “BEm-Taxista”. Assim como o auxílio caminhoneiro, o benefício será pago aos profissionais para amenizar os efeitos do aumento no preço dos combustíveis.

Instituído pela Emenda Constitucional nº 123, de 14 de julho de 2022, o Benefício Taxista tem validade até dezembro de 2022 e o número de parcelas poderá ser ajustado considerando o número de trabalhadores beneficiários cadastrados e o limite global de recursos. O valor máximo é de R$ 1.000 por parcela.

Podem usufruir desse direito os motoristas de táxi devidamente registrados na prefeitura até 31 de maio de 2022. No entanto, somente será pago a quem estiver em regular e efetivo exercício da atividade, com todos os documentos também regulares.

O secretário Desenvolvimento Econômico de São Gabriel do Oeste, Roberto Emiliani Júnior, explica que o cadastro realizado na plataforma do Governo Federal não garante o pagamento do auxílio. “O Executivo Municipal fez o cadastramento para que os taxistas de São Gabriel do Oeste tenham direito ao auxilio, mas é importante que o prestador de serviços esteja executando sua função de forma regular e com os documentos em dia”, destacou.

Continue lendo