São Gabriel: Ainda há vagas para exames de preventivos na carreta do Hospital de Amor de Barretos

Enfermeira responsável pela unidade convida as mulheres para realizar o exame, destacando que a prevenção pode salvar vidas.

05/12/2018 às 14:12 | do Idest, JWC

Equipe da unidade móvel, Valdecir Malacarne e pacientes. Foto: Idest

Está em São Gabriel do Oeste nesta semana a carreta do Hospital de Amor de Barretos. Os atendimentos iniciaram nesta terça-feira (04) e seguem até amanhã (06), das 07 às 17 horas, na Unidade de Saúde do Redondo, localizada na avenida Mato Grosso do Sul, 1678 – Centro.

A unidade móvel, que possui equipamentos de alta tecnologia e profissionais capacitados para atender a população está realizando 100 exames de Papanicolau (preventivos) e 57 mamografias ao dia.

Para as mamografias as vagas foram todas preenchidas e há uma lista de espera, para caso alguma paciente não compareça. Ainda há vagas para os preventivos, interessadas podem comparecer ao local que serão encaixadas para atendimento.

Os preventivos são para mulheres de 25 a 64 anos e a mamografia para mulheres de 40 a 69 anos. As pacientes precisam comparecer com documentos como o CPF, RG, cartão do SUS e comprovante de residência.

“Através dos nossos exames já foram diagnosticados casos de câncer em São Gabriel do Oeste, por isso a importância de realizar os exames, para a prevenção”, destaca a enfermeira responsável pela unidade móvel do Hospital de Amor, Raquel Rodrigues Pereira.

Raquel com pacientes na unidade móvel do Hospital de Amor, em São Gabriel do Oeste. Foto: Idest

Raquel destaca que o câncer de colo de útero pode demorar cerca de 18 anos para se manifestar, e convida as mulheres do município para realizarem o exame. “Hoje falamos que é relaxo as mulheres deixarem terem câncer de colo de útero, por falta de irem realizar o exame, porque é 18 anos para poder se manifestar como câncer, e as mulheres não tem vindo, infelizmente”, disse a enfermeira.

Segundo Raquel, de quatro mil exames de Papanicolau que a unidade do Hospital de Amor realiza, duas pacientes são diagnosticadas com câncer, e de 2,2 mil mamografias, 12 estão com câncer de mama. “Esperamos que a procura aumente, porque é benefício, é gratuito, rápido e não é doloroso”, destaca Raquel afirmando que o atendimento é um benefício para a cidade, pois as mulheres não precisam ir para Campo Grande para realizar o exame.

Outra informação que Raquel destacou é com relação as mulheres que são histerectomizadas, quando é retirado o útero ou colo do útero, parcial ou total, também podem realizar o Papanicolau. “Elas podem fazer o exame uma vez ao ano ou de dois em dois anos”, disse a enfermeira.

A equipe da unidade móvel do Hospital de Amor, que está atendendo em São Gabriel do Oeste é composta por quatro pessoas, o motorista, duas técnicas de radiologia e a enfermeira Raquel, e todas as pessoas que realizam os exames são mulheres. Além da equipe da carreta, funcionários da atenção primária da rede municipal de saúde, estão dando todo o suporte para a recepção dos pacientes.

Paciente realizando exame de mamografia, na unidade móvel do Hospital de Amor, em São Gabriel do Oeste. Foto: Idest

O presidente da Câmara de Vereadores, Valdecir Malacarne, estava na unidade nesta quarta-feira (05) e em entrevista ao Idest, destacou que a vinda da unidade para o município é uma ação beneficente através da parceria entre a Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores, Fundação João XV através do presidente Ademir Rodrigues, e Leilão Direito de Viver que é coordenado por Sergio Marcon. 

“Essa é uma resposta dos serviços que o Hospital de Amor oferece aos municípios, que de uma forma ou de outra, ajuda aquela instituição em Barretos. O nosso município contribui muito, tivemos no último dia 24 de novembro o leilão beneficente e mandamos todo o recurso para aquele hospital, para que possa inclusive atender os nossos pacientes. Temos uma casa de apoio em Barretos, que é mantida pela comunidade de São Gabriel do Oeste, através da Prefeitura Municipal, e as pessoas acometidas pelo câncer são tratadas de uma forma bastante humanitária sem custo algum”, disse Valdecir que agradeceu a todos que ajudaram no leilão.

“Neste ano é a segunda vez que a carreta contempla São Gabriel do Oeste com os atendimentos, ano passado levamos dois ônibus com mulheres dos assentamentos Itaqui e Patativa para serem atendidas na unidade do Hospital de Amor em Campo Grande. Agradeço a todos os parceiros e ao Ademar Capus, que é o coordenador das carretas no Mato Grosso do Sul e toda a equipe do Hospital de Barretos”, encerrou o presidente da Câmara Valdecir Malacarne.

Mais fotos

Carregando comentários...
Notícias
Saúde