Campanha de Doação de Sangue e Medula Óssea acontece na próxima semana em São Gabriel

Pessoas entre 16 (com autorização de um responsável) e 69 anos podem doar sangue. Para doar, é necessário levar documento com foto (RG, CNH ou Carteira de Trabalho).

12/02/2019 às 16:31 | da Assessoria

São Gabriel do Oeste se prepara para receber a primeira Campanha de Doação de Sangue e Medula Óssea de 2019. A ação que acontece nos próximos dias 22 e 23 de fevereiro é realizada pela secretaria de Saúde em parceria com o Centro de Hematologia e Hemoterapia de Mato Grosso do Sul (Hemosul) e tem como objetivo garantir o abastecimento do estoque do banco de sangue estadual, além de realizar novos cadastros de doadores de medula.

De acordo com nota emitida pelo Hemosul no mês de janeiro, o número de doadores caiu no último semestre, sendo que o estoque, principalmente dos sangues A negativo e O negativo, estão abaixo do ideal. “Estamos realizando esta Campanha para reverter esta situação e com a colaboração de todos poderemos contribuir com o reforço do banco de sangue do Estado. Cada bolsa de sangue faz a diferença na vida de pacientes que precisam de uma transfusão”, comentou a secretária de Saúde do município, Michele Paupério.

A coleta será feita na sexta-feira (22) das 13 às 17 horas e no sábado (23) das 07 às 11 horas, na unidade de saúde dos Correios (Avenida Getúlio Vargas) – PSF V. Para doar, é necessário levar documento com foto (RG, CNH ou Carteira de Trabalho).  No cadastro de medula óssea, será coletada do doador uma pequena amostra de sangue (10 ml) para a realização dos testes de compatibilidade (HLA).

Pessoas entre 16 (com autorização de um responsável) e 69 anos podem doar sangue. Além disso é necessário pesar mais de 55 quilos, estar com boa saúde e bem alimentado na data. Não podem doar sangue pessoas que tiverem ingerido álcool a menos de 12h, que possuem alguma doença inflamatória crônica, que tiveram hepatites B ou C ou doença de chagas, homens e mulheres com múltiplos parceiros sexuais, portadores do vírus HIV ou qualquer doença sexualmente transmissível, grávidas e lactantes. Quem realizou cirurgia, exame invasivo ou fez tatuagem recentemente também deve aguardar seis meses para realizar a doação.

Carregando comentários...
Notícias
Saúde