MS pedirá liberação de R$ 254 milhões da Caixa para infraestrutura rodoviária e pontes

Imagem: Chico Ribeiro

Pedido de autorização para contrair o empréstimo será encaminhado à Assembleia Legislativa em regime de urgência para MS ser beneficiado com recurso extra disponibilizado pela União.

07/12/2017 às 15:25 | da Redação, Danúbia Burema e Bruno Chaves

Mato Grosso do Sul irá solicitar a liberação de recursos que podem chegar a R$ 254 milhões em financiamento junto à Caixa Econômica Federal para investir em obras de infraestrutura rodoviária e construção de pontes de concreto.

Nesta manhã (07.12), em agenda na Governadoria com o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Júnior Mocchi, e outros parlamentares, o governador Reinaldo Azambuja informou que o pedido de autorização para contrair o empréstimo será enviado à Casa de Leis nos próximos dias, antes do recesso parlamentar.

“Nós estamos mandando um projeto de lei para a Assembleia Legislativa pedindo autorização para contrair empréstimo da Caixa Econômica Federal para infraestrutura rodoviária e pontes de concreto no valor de R$ 250 milhões”, afirmou o governador.

“Se a Assembleia concordar em dar autorização, iremos encaminhar a carta consulta à Caixa com os projetos de quais rodovias e pontes serão beneficiadas com esse recurso”, detalhou. O banco já sinalizou positivamente para a possibilidade de financiar obras em MS. A garantia do empréstimo é o Fundo de Participação dos Estados (FPE) e o prazo de pagamento é de 10 anos, com dois de carência. 

Segundo Reinaldo Azambuja, o projeto será encaminhado em regime de urgência. A intenção do Governo é encerrar o ano com a carta consulta aprovada, para que as obras a serem realizadas com esses valores sejam iniciadas no início de 2018. “Se tudo correr bem, pode dar ao Estado condições de fazer investimentos que são prioritários”, completou.

Na contramão da crise

Enquanto alguns estados tiveram desempenho negativo no ranking de investimentos em obras de infraestrutura, Mato Grosso do Sul registrou o segundo maior crescimento. Mesmo na crise, o Governo conseguiu ampliar em 65% os recursos destinados a obras, conforme apontou relatório da Instituição Fiscal Independente (IFI), divulgado em novembro.

Recursos do Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário do Estado de Mato Grosso do Sul) garantiram a recuperação de 12 mil quilômetros de rodovias e a pavimentação de 1,57 milhão de metros quadrados de vias urbanas. O governo investiu ainda na construção de cem pontes de concreto.

Entre as causas desse alto desempenho da gestão estadual, estão os ajustes feitos na máquina pública com o intuito de reduzir despesas para focar nas entregas à população. Na agenda desta manhã, o governador Reinaldo Azambuja agradeceu pelo empenho dos deputados estaduais tanto na liberação de emendas parlamentares quanto na aprovação de projetos de estruturação econômica do Estado. “A gente fica muito contente em poder organizar as estruturas do Estado, em poder cumprir com as obrigações e fazer investimentos”, destacou o governador.

Carregando comentários...
Notícias
Política