Suspeito de tentativa de homicídio é preso pela Polícia Civil em Rio Negro

Crime aconteceu na noite de Réveillon. Autor e vítima já vinham em situações de conflito no passado.

07/01/2019 às 04:54 | da Redação

Cleverson da Silva Varão, de 18 anos, conhecido como “Kekel”, foi preso neste domingo (06), pela Polícia Civil de Rio Negro, acusado da tentativa de homicídio ocorrido na madrugada do Réveillon na cidade.

De acordo com informações da Polícia Civil, o autor efetuou disparos de arma de fogo contra a vítima de 26 anos, que foi atingida no tórax e no braço. A vítima foi imediatamente socorrida para o hospital local, e, em seguida, transferida para Campo Grande, onde permanece estável.

Segundo informações do delegado de Polícia, Gabriel Cardoso Gonçalves Barroso, a motivação do crime ainda está sendo apurada e corre em sigilo, bem como estão sendo investigados possíveis suspeitos de auxiliar Kekel na tentativa de homicídio. Contudo, adianta que, de acordo com os depoimentos já colhidos, teria ocorrido uma desavença na noite de Réveillon entre autor e vítima, reconhecendo, ainda, situações de conflito no passado envolvendo os dois.

O autor fugiu logo após cometer o crime, não sendo possível prendê-lo em flagrante, o que levou o delegado representar imediatamente pela sua prisão preventiva, que foi deferida pelo juiz de plantão no decorrer da semana.

O delegado Gabriel aproveita para esclarecer que não existe “o mito das 48 horas do flagrante”, em que autores de crimes pensam que podem se furtar da aplicação da lei. Informa que a prisão de autores de crimes graves é inevitável, realçando, inclusive, os índices de resolução de crimes alcançados pela Polícia Civil do Estado do Mato Grosso do Sul no ano de 2018 (62% dos homicídios, 100% dos feminicídios e 75% dos latrocínios).

O autor está preso na Delegacia de Polícia aguardando transferência para o regime penitenciário.

Carregando comentários...
Notícias
Policial