Sonora: Em menos de duas horas polícia identifica e prende suspeitos de homicídio na Buritis

Imagem: Divulgação Policia Civil

A vitima foi morta enquanto dormia.

14/05/2018 às 13:11 | do Idest, Eder Pereira

Em menos de duas horas após o conhecimento do homiídio de José Cícero Silva de Oliveira, de 45 anos, localizado morto a facadas na a manhã desta segunda-feira (14), as Polícias Militar e Civil realizaram diversos levantamentos e efetuaram as prisões em flagrante dos suspeitos Maicon Mendes Rocha, vulgo “Sapo”, de 20 anos e Edilson Pereira, de 36 anos. O corpo de Oliveira foi encontrado com várias perfurações de faca num imóvel abandonado na Rua dos Buritis, em Sonora.

O caso

Segundo o apurado pela policia, Maicon e Edilson possuíam rixa com a vítima, tendo em outras datas agredido fisicamente os autores. Ficou esclarecido que, na manhã de hoje, Edilson informou a “Sapo” que a vítima estava dormindo num imóvel abandonado na Rua dos Buritis. Em seguida, ambos os autores se deslocaram com a bicicleta de Edilson até o local, onde o autor Maicon, vulgo “Sapo”, desferiu sete golpes de faca na cabeça e tórax da vítima, que estava dormindo.

Prisão

Após ser abordado, o autor Maicon levou os policiais até um contêiner de lixo, onde havia dispensado a faca utilizada no homicídio, bem como a um terreno baldio ao lado de sua casa, local em que enterrou as roupas que vestia no crime embaixo de um monte de areia. Por outro lado, Edilson indicou o local onde escondeu a bicicleta utilizada pelos autores.

Maicon e Edilson foram presos por homicídio qualificado por recurso que dificultou ou impossibilitou a defesa da vítima, que prevê pena de 12 a 30 anos de reclusão.

Maicon possui passagens policiais por homicídio, furto e roubo quando era adolescente, ao passo que Edilson possui diversas passagens policiais por crimes variados, inclusive tráfico de drogas.

Carregando comentários...
Notícias
Policial