Polícia Civil e ONG resgatam cachorro vítima de maus-tratos em São Gabriel do Oeste

Animal está anêmico, desnutrido e com muitos parasitas (pulgas e carrapatos).
Imagem: Divulgação

Animal foi levado ao veterinário e constatado que está anêmico, desnutrido e com muitos parasitas (pulgas e carrapatos).

13/04/2019 às 09:22 | do Idest, JWC

Um cachorro da raça Pastor Alemão, vítima de maus-tratos, foi resgatado pela Polícia Civil e Organização não governamental (ONG) Consciência Animal, por volta das 10 horas desta sexta-feira (12), de uma residência localizada na rua Amazonas, em São Gabriel do Oeste.

Segundo informações da Polícia Civil, a presidente da ONG Consciência Animal, havia recebido várias denúncias de maus-tratos ao cachorro, que era mantido preso dia e noite, sem comida e água, e chorava muito de fome, e o morador aparecia com pouca frequencia na casa.

Devido as iformações, uma equipe da Polícia Civil acompanhada de representantes da ONG foram até o local, onde constataram a veracidade das denúncias. O cachorro foi resgatado e encaminhado para um veterinário, onde contatou que o mesmo está anêmico, desnutrido e com muitos parasitas (pulgas e carrapatos).

A representante da ONG relata que após o animal ser tratado, será castrato através de convênio com a Prefeitura Municipal e encaminhado para adoção. Interessados em colaborar com o tratamento do cachorro, podem entrar em contato com Maria Eugênia, através do telefone 67.99869.5196.

Em depoimento na delegacia de Polícia Civil, o proprietário do cachorro, de 48 anos, relatou que trabalho o dia todo e que estava sem dinheiro para comprar comida para o animal. Ele foi autuado por praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, dompesticos ou domesticados, nativos ou exóticos (Artigo 32 da Lei número 9.605/98).

Para denúncias de maus-tratos, entrar em contato com a Polícia Civil através do telefone 3295.1480.

Carregando comentários...
Notícias
Policial