Policia Civil de Sonora cumpre mandados e prende nove em operação Divisa Segura II

Imagem:

Entre os presos estão criminosos que cometeram furto, roubo, estupro de vulnerável, homicídio, documento falso e receptação.

20/04/2017 às 06:59 | do Idest, Eder Pereira

Durante a operação Divisa Segura II, a Polícia Civil de Sonora cumpriu, nesta quarta-feira (19), nove mandados de prisão contra procurados pela Justiça. Entre os presos estão criminosos que cometeram furto, roubo, estupro de vulnerável, homicídio, documento falso e receptação.

Um dos presos é o suspeito de ter cometido o furto a conveniência João Albuquerque em Sonora, ocorrido em dezembro do ano passado. Após sair o mandado de prisão, Fabio Silva Amorim, vulgo Bim, de 30 anos, foi preso durante a operação “Bairro Seguro”, deflagrada em todo Estado de Mato Grosso, e responderá pelos crimes de roubo em Sonora e Homicídio de Gonçalo Alves de Barros, 41 anos, na cidade de Rondonópolis (MT).

O delegado da Policia Civil de Sonora, Francis Flávio Tadano Araújo Freire, apresentou mais oito presos em cumprimento de mandados e flagrantes.

São eles, Salomão Silva Lucena, de 41 anos (Violência Doméstica), José Cícero da Anunciação, de 43 anos (Estupro de Vulnerável), Elisabete Silva Amaral, de 49 anos (Homicídio Qualificado), Marcos Mainard Santos, de 38 anos (Roubo), Manoel Firmino Barbosa, de 34 anos, preso em flagrante com documento falso, Guilherme Oliveira dos Anjos, de 20 anos e Marcos Almeida Rocha, de 21 anos, ambos presos em flagrante por receptação e Valdivino Cardoso de Souza, de 30 anos (Roubo, furto, e violência doméstica).

A operação faz parte do Pacto Integrador de Segurança Pública Interestadual e está sendo coordenada pelas autoridades da área de segurança pública que compõem o Subcomitê Operacional MS/MT, com objetivo de fortalecer a integração com os demais órgãos localizados na divisa entre os dois estados no combate aos crimes típicos dessa região, como roubo, furto e tráfico de drogas, visando principalmente à redução dos índices de criminalidade nestas localidades, além de aumentar a sensação de segurança da comunidade.

Carregando comentários...
Notícias
Policial