Levantamento aponta redução nos números de homicídios nos últimos quatro anos em MS

Imagem: Divulgação Polícia Civil

Ao todo, foram realizadas 21.592 prisões em 2019, isto equivale a prisão de pelo menos duas pessoas a cada hora.

14/01/2020 às 15:51 | da Redação

As medidas de enfrentamento e prevenção à violência em Mato Grosso do Sul resultaram na diminuição da quantidade dos 12 tipos de crime no último ano. Em média, os índices de criminalidade tiveram queda de 15% no comparativo 2018-2019. Os números foram apresentados nesta terça-feira (14) pela cúpula da segurança pública.

O Delegado Geral da Polícia Civil do Mato Grosso do Sul, Marcelo Vargas Lopes, falou sobre a importância da manutenção e aprimoramento dos resultados obtidos em 2020. "Na contramão do que vive o Brasil, Mato Grosso do Sul vem sistematicamente, ano a ano, monitorando isso. Em 2015 tivemos em média 561 homicídios. São 152 homicídios a menos num lapso temporal de quatro anos", destacou.

O levantamento realizado pela Seção de Estatística e Análise Criminal, Delegacia Geral da Polícia Civil do Mato Grosso do Sul aponta as ações de acordo com os Registros de Ocorrência, Procedimentos Policiais, Prisões, Apreensões de drogas, armas e munições, Arrecadação por meio da concessão certidões e alvarás, bem como das Atividades da Polícia, incluindo conduções coercitivas e operações policiais.

Em números totais, entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2019, foram registrados 238.046 boletins de ocorrências, tanto presencialmente nas delegacias quanto virtualmente, o que equivale a uma média de 27 registros a cada hora.

A Polícia Civil realizou mais de 77.800 investigações durante todo o ano de 2019. Este número equivale a uma média de 213 procedimentos relatados e concluídos por dia nas delegacias de todo o Estado, resultando em pelo menos 6.486 investigações encaminhadas ao Poder Judiciário a cada mês.

Ao todo, foram realizadas 21.592 prisões, o que engloba prisões em flagrante, cumprimento de mandados e apreensões de menores. Isto equivale a prisão de pelo menos 2 pessoas a cada hora.

Entre armas e munições, a Polícia Civil do Mato Grosso do Sul realizou a apreensão de 29.796 itens. Foram 682 armas e mais de 29 mil munições apreendidas no Estado durante o ano. A PCMS realizou, ainda, a apreensão de mais de 367 toneladas de drogas. Mais de 1 tonelada de entorpecentes foram retirados de circulação a cada dia.

A Polícia Civil realizou, ao longo de todo o ano, 308 operações policiais com o objetivo de dar cumprimento a mandados de prisão e busca e apreensão em todo o Estado. Foram feitas, também, 3.006 conduções coercitivas de vítimas e testemunhas ao Poder Judiciário. Mais de 2.400 veículos foram recuperados.

As Delegacias de Atendimento à Mulher encaminharam mais de 7.800 medidas protetivas de urgência e 100% dos crimes de feminicídio foram elucidados.

O Mato Grosso do Sul possui a Polícia Civil que mais soluciona casos de homicídios dolosos no País. De 409 registros de assassinatos, os autores foram identificados em 246, ou seja, 60% das investigações concluídas até 31 de dezembro de 2019.

Carregando comentários...
Notícias
Policial