Jovem é presa 2 horas após matar homem com facada no peito em MS

Suspeita fugiu logo após o crime e foi encontrada na casa de parentes. Ela disse que a mãe é casada e teria flagrado, há uma semana, homem falando com a mãe.

29/06/2020 às 10:21 | G1MS

Uma jovem de 22 anos foi presa duas horas após matar um homem de 47 anos, com uma facada no peito, na noite desse domingo (28), em Bataguassu. Segundo a investigação, a vítima procurou abrigo na casa de parentes e confessou o crime, ressaltando que a vítima estaria "dando em cima" da mãe dela.

Durante a noite, os policiais receberam a informação e foram até o local, confirmando que o crime ocorreu na casa da mãe da suspeita. Na ocasião, Miliane Cecília Bernardo dos Santos, 22 anos, pegou uma faca e deu um golpe contra o peito de José Ronaldo Rodrigues Santos Barros, de 47 anos.

Em seguida, segundo o delegado Thiago Passos, responsável pelas investigações, ela fugiu. As polícias militar e civil do município então fizeram uma ação conjunta e constataram que Miliane foi flagrada adentrando na mata, sendo que pediu cobertores e roupas aos vizinhos.

Com as buscas, ela foi presa na casa de um familiar. A suspeita estava escondida em um cômodo nos fundos da casa. Ela não ofereceu resistência à prisão. No depoimento, disse que a mãe é casada e que teria flagrado, há mais de uma semana, o homem "dando em cima" da mãe dela. 

A jovem foi autuada em flagrante por homicídio qualificado. A pena varia entre 6 a 20 anos de prisão.

A faca utilizada no crime foi recolhida pela Polícia Militar e foi apreendida. A arma, que apresenta vestígios de sangue, será encaminhada para exame pericial.

“Ressaltamos que o entrosamento entre as forças policiais do município resultou em uma ação rápida e coordenada que culminou com a identificação e prisão da autora desse grave crime”. O auto de prisão em flagrante delito foi presidido pelo Delegado plantonista, Daniel Woltz, lotado na 1.ª DP de Bataguassú.

Carregando comentários...
Notícias
Policial