Artigo: Economia em São Gabriel do Oeste e o coronavírus

Imagem: Divulgação/arquivo pessoal

Escrito por Gilberto Yaginuma, empresário com 11 anos de atuação no comércio local e vice-presidente da atual diretoria da Associação Empresarial do município (Acisga.)

26/03/2020 às 08:17 | Artigo de Gilberto Yaginuma

Eu não sou muito de escrever ou de expressar satisfação, tampouco insatisfação em rede social, porém aos meus familiares, amigos e colaboradores, neste momento vou fazer um breve relato.

Ando lendo muito e vendo o que vem acontecendo no mundo, Brasil, logo mais São Gabriel do Oeste (MS). Pra quem me conhece sabe que sou muito dinâmico e sem rodeios, não gosto de achar culpados e sim solução para os desafios. O Covid-19, uma doença nova, que tem um potencial epidêmico e pandêmico já demonstrados no mundo inteiro, onde temos que ter todo cuidado com esse vírus.

Vi uma matéria de um médico epidemiológico onde ele relatava que para esses casos existem duas estratégias a serem tomadas: uma chamada “supressão” e a outra “contenção”. Como todos sabem o Brasil está tomando medidas extremas de “contenção”.

Bom, eu Gilberto, acho que nem sempre as medidas adotadas em outros países darão certo aqui, correto? Eu penso que ninguém sabe que a partir do momento que essa “contenção” se mantiver efetivamente vai funcionar ou não. A China por exemplo, que fez e vem fazendo o mesmo, agora volta a ter seus casos novamente.

Mas no caso do Brasil será que isso vai funcionar? Será que essa pausa que estamos dando no vírus servirá para prepararmos hospitais e clínicas, para futuros atendimento? Se esse for o caso eu vou acreditar. Será que não só estamos adiando o processo? tem cientistas e epidemiológicos do país inteiro sabendo que uma hora ou outra ela vai chegar, por isso se chama “Pandemia”, a partir do momento que tomamos essas medidas, tanto de isolamento quanto outras, sabemos seus efeitos, correto? Ou seja, consequentemente ela vai ser bem menor futuramente, pois já saberemos dos sintomas e medidas a tomarmos. Porém será que nosso país está preparado para isso? “Contenção”?

A grande pergunta é:  Quanto tempo o Brasil vai aguentar com todas essas medidas restritivas? Isso não vai implicar em perca de renda e empregos? trabalhadores autônomos, liberais, MEIs, médias e pequenas empresas vão suportar? Será que essa medida é a melhor? Como vai funcionar a economia do País?

Respeito todas autoridades e autarquias que nos representam, só acho que para essa restrição nós brasileiros não estamos preparados, vejo que desta forma o país pode entrar no seu pior cenário econômico da história. A fome e o desemprego também matam, novamente questiono, estamos preparados para isso? Saques em lojas, mercados, miséria e muito mais podem acontecer, o sistema econômico do país pode mergulhar num colapso irreversível. Sem produzir não conseguiremos honrar nossos compromissos, nem pagar nossos funcionários. Iremos esperar o resultado e correr esse risco de braços cruzados? Senhores, chegou a hora da razão sobrepor a emoção.

Escrito por Gilberto Yaginuma, empresário de 32 anos, eleito em 2018 um dos jovens empreendedores de São Gabriel do Oeste, eleito em 2019 como empresário do ano no município, formado em Ciências Contábeis, 11 anos de atuação no comércio local e vice-presidente da atual diretoria da Associação Empresarial do município (Acisga.)

Carregando comentários...
Notícias
Economia