Bandeirantes: Ventos passaram de 110 km/h, Prefeito decretou estado de emergência

Imagem: Gilmar de Santana

Várias casas, hospital e escolas tiveram telhas e até forros arrancados.

27/09/2018 às 18:58 | do Idest, JWC

O prefeito Álvaro Urt decretou estado de emergência em Bandeirantes, devido a tempestade que atingiu a cidade nesta quinta-feira (27). Os ventos alcançaram os 110,16 km/h, várias casas foram destelhadas e deixaram cerca de 100 famílias desabrigadas. Hospital e escolas também tiveram telhas e até forros arrancadas.

"Decretamos estado de emergência em nosso município. Quero colocar a disposição da população o Ginásio de Esportes da praça principal, para atender emergencialmente as pessoas atingidas, se for preciso vamos buscar instalações para passar a noite, para que a população vítima da tempestade possa se acomodar", disse o prefeito.

Urt também pediu o apoio da população para acomodar as famílias vítimas da tempestade. "Quero pedir aos cidadãos de Bandeirantes para colaborar com as pessoas que tiveram suas casa destelhadas, para conseguir colchões, travesseiros e lençóis para acomodar a população. Muito obrigado a todos", destacou o prefeito.

A Prefeitura também disponibilizou telefones para que as pessoas possam solicitar apoio, são o 3261-1425.

Solidariedade

Um sopão está sendo servido nesta noite de quinta-feira (27) às famílias atingidas.

"Nos juntamos na Igreja e estamos fazendo um sopão, todo mundo está doando um pouco, agora vamos começar a fazer a distribuição para ajudar todas essas pessoas", disse o secretário de Governo, Gilmar de Santana.

 

Carregando comentários...
Notícias
Cidades